quarta-feira

¤ Capítulo 1 - The Love Always Wins

                                                  O começo 

                                              ~ VocêON

Hoje eu ia me muda para Londres, estava indo estudar...por obrigação, mas oque eu queria mesmo era me divertir, nunca penso no futuro,não ligo pra isso, eu só quero conhecer o mundo,não quero ficar presa em uma faculdade ,meus pais já tinham deixado tudo pronto,eu ia ficar em um casa com umas pessoas que nem conhecia,meus pais falaram que eles eram gente boa e não sei oque.

Eu já estava no aeroporto, pronta pra me muda, pelo menos eu ia ficar longe de tudo e de todos,não tinha mais ninguém para mandar em mim, quando a mulher chamou eu já me levantei, abracei meus pais e fui.

Eu sentei na janela coloquei meus fones e acabei dormindo,eu não sei quanto tempo demorou essa viajem, mas eu dormi a viajem toda,quando cheguei peguei um taxi e dei o papel com o endereço da casa, 

Demorou uns 25 minutos para chega a casa, quando chegamos, paguei o homem e desci do carro, o som tava bem auto naquela casa, e a casa era linda 

                                       

eu já estava começando a achar que estava na casa errada, resolvi ir ate a porta, apartei a campainha, e ninguém atendia, também com aquele som auto né, eu fiquei apertando sem para, já tava impaciente, ate que um homem abriu aporta, MEU DEUS, que homem era aquele, ele estava sem camisa, molhado, eu fiquei fitando aquele paraiso, ele sorriu.

- Posso ajudar? -disse sorrindo-
- É..pode, eu sou do Brasil, meus me disse que iria ficar nessa casa..
- Ah sim, você é a (seunome)?
- Sim - sorri.
- Pode entrar, - saiu da porta,dando espaço para mim entrar- É.. bom, meus pais foram viajar por muito tempo,então fiquei como dono da casa,seus pais não vão se importa ne?
- Eles nem vão saber- ri - onde eu vou dormir? 
- Vem, vou te levar até seu quarto.

Subimos as escadas e tinha um corredor com várias portas, paramos em uma porta, e ele abriu para mim e eu entrei.

- Nossa é lindo -sorri- obrigada.. é.. como é seu nome?
- Justin, -sorriu-

Sorri de volta para ele, do nada umas mulheres de biquini apareceu la na porta do quarto,fiquei sem entender nada,

- Jus o Chaz esta te chamando - ela me ficou me olhando seria-
- Já disse que não gosto que me chame de Jus,isso é broxante, -disse serio- e fala pra ele que eu já vou-
- Nossa Jus, sempre te chamei assim
- Vaza daqui lisa 
- Ta bom -disse seria e saindo-

o Justin me olhou e falou pra mim colocar um biquini e ir la embaixo nadar com eles, ele saiu do quarto e eu fui me trocar, coloquei um biquini bem lindo e peguei uma toalha e desci, eu vi o povo la no fundo da casa gritando e pulando na piscina e fui la,

cara oque era aquilo? cada homem.. um mais gostoso que o outro, quando eu cheguei la, eles ficaram me olhando,fiquei sem entender, será que coloquei o biquini erado? 
o Justin veio até mim sorrindo,

-  Nossa, você esta linda 
- Obrigada
- Seu biquini é provocante de mais -disse mordendo os lábios.
- Como assim? -disse sem entender
- O tamanho dele,- disse me olhando de baixo pra cima
- Oww -ri- os biquini brasileiros são assim mesmo,
- Serio? Meu Deus riu- vamos dar um mergulho?
- Vamos -sorri-

o Justin me pegou no colo tão rápido que não deu nem pra vê,só vi quando caímos na piscinas, aquelas vadias com cara de mal comida ficaram me encarando e já estava me irritando com isso.

                                                                        (...)


Ficamos na piscina até anoitecer,depois todo mundo foi embora e só ficou eu e o Justin, ele subiu para tomar banho, e eu fui na cozinha pegar algo para beber, depois subi para o meu quarto, fui direto tomar um banho, depois do meu banho deitei naquela cama enorme e fiquei fitando o teto.

Escutei alguém bater na porta, mandei entra, e entraram, era o justin, claro ne,

- Está com fome?
- Não muita- disse me sentando na cama
- Eu pedi uma pizza, se quiser é só ir la na sala, vou fica la.
- Tudo bem -sorri

o justin saiu e foi la pra sala, eu estava cansada, amanha eu teria que ir pra faculdade, que merda, eu não quero ir..não mesmo, tem coisa melhor do que ir para a faculdade.
começou me da fome, e resolvi descer e pegar pizza, quando ia descer as escadas escutei o justin no celular, não queria ouvir , mais já estava ali, e acabei ouvindo..

- Como assim ele roubou? -Justin falou bravo
- Vocês são uns incompetentes,... não quero saber mais de nada,
- Foda-se, vocês vão dar um jeito de pegar ele, 
- Eu vou matar ele.. não to nem ai, eu vou mata ele,
- Eu disse pra ele ficar longe das minhas cargas.

Bom, eu ja estava ficando assustada, vi o justin desligando o celular, ele levantou do sofá e foi pra cozinha escutei uns barulhos de algo quebrando e fui la vê.

- Está tudo bem Justin? -disse assustada
- Não.. quer dizer, esta sim - forço um sorriso
- Ok, se não quer falar,
- Você não iria entender, e mulheres não serve pra isso
- Pra isso oque ?
- Já disse que você não vai entender -disse meio bravo-
- ok, desculpa, - disse saindo da cozinha
- Espera.. me desculpa, só estou um pouco nervoso,
- Tudo bem.. é.. sobrou pizza? -ri
- Sim, esta la na sala.

Eu e o Justin fomos la na sala, e terminamos de comer a pizza,já era 01:20 e eu estava quase dormindo e o justin estava bem acordado.. estranho, eu me levantei do sofá.

- Eu vou ir dormir ok? -disse olhando pra ele
- ok, eu também ja vou - levantou e desligou a tv 

subimos para o quarto entrei no meu e o justin no dele, e mal deitei e dormi..
No outro dia estava quebrada e tinha que ir pra merda da faculdade, eu me arrumei fui ate a cozinha peguei uma fruta e sai correndo, já estava atrasada, estava abrindo a porta e o justin gritou da escada.

- ONDE VOCÊ VAI? - gritou
- pra faculdade - disse assustada, porque ele gritou comigo?
- ah, quer que eu te levo?
- você esta de sunga, -ri- vai assim?
- ele olhou e riu- não, vou colocar uma roupa, espera ai.
- ta, mais anda.. -ele subiu correndo- ..LOGO..

em 5 minutos ou menos ele ja tinha descido, ele me levou até a faculdade, era enorme, e logo fui vendo umas vadia dando em cima dos cara, fala serio.
eu desci do carro e o justin se foi.

                                                     ~ JustinON

Eu levei a (seunome) para a faculdade e fui para a casa do Chaz,
Eu vendo drogas, e por isso meus pais se mudaram, porque não aguentava mais eu tendo aquela vida, confesso que não gosto, mais eu preciso disso para sobreviver, e é divertido, você sempre esta conhecendo coisas novas, eu viajo quase toda hora para fugir, e  sou uns dos cara mais procurando.

Então.. estou indo até a casa do Chaz, porque ontem ele me ligou dizendo que o Brendo um inimigo meu roubou minhas cargas, esse cara ja apanhou tanto e continua pegando minhas coisas, acho que já ta na hora dele morrer mesmo.

Mudando de assunto.. cara a (seunome) é linda, ela me exitava, eu não tinha mais vontade de fude nem uma vadia por ai, não sei porque, talvez porque eu queira só ela.. broxante isso - chacoalhei a minha cabeça- tenho que fude uma vadia pra para de ser broxantes.

Cheguei na casa do Chaz, e conversei com ele, 

- temos que pega ele - falei pro chaz
- já pensei em tudo, é só ele ir pra onde deixei uma carga falsa
-  ótimo. 

 vamos cata o Brendo, hoje mesmo, o Chaz trabalha bem,  ja tinha pensado em tudo, Brendo estava indo roubar outra carga minha só que la não ia ter nada alem dos meus capangas.

Quando cheguei no lugar que ele iria estar ele não foi, fiquei puto da vida, ele mandou uns cara ir, e o Chaz e o Ryan tomou conta deles, coitados... foram lá.. mais não voltam mais, coitados nada, ninguém mandou de meter comigo.

Voltei para casa e fui no meu estritório vê umas coisas, eu precisava distrair minha cabeça, fui em uma boata, já que eu era o dono mesmo,cara essas vadia não tem mais oque fazer mesmo, ficam o dia todo aqui dando...

Eu peguei uma e ja sabem ne... ela não era tão boa, mais dava pro gasto, já tava ficando tarde sai de lá, e fui buscar a (seunome) na faculdade, se ela tivesse la ainda,
Quando cheguei lá, vi uns cara perto da (seunome) eles estavam forçando ela a algo, e ela os empurrava, desci do meu carro e fui até lá.

- Oque esta acontecendo aqui? - disse irritado
- Não é da sua conta, some daqui -disse um dos cara
- Some você seu mané, larga ela agora - disse puxando a (seunome)
- Justin me tira daqui logo - disse quase chorando
- Eu pensei que você ia da pra mim (seunome)
- CALA SUA BOCA - disse com  muita raiva
- Não sei do que você esta falando - (seunome) disse a ele
- Pois deveria, .. vamos pessoal, - os cara sairão dali

olhei bravo para a (seunome), ela parecia com medo do meu olhar.

- Que porra é essa de você da pra ele? 
-  Eu não sei do que eles estão falando, eu juro.
- ok então, vamos

entramos no carro e fomos para casa. 
-------------------------------------------------------------

Vocês gostaram? Por favor me falem!
Eu sei, que começo de Imagine Belieber é meio chato, mas depois fica melhor.
comentem por favor 

-------------------------------------------------------------




6 comentários:

  1. continuaaa, by @firstlovedrew

    ResponderExcluir
  2. Continua ta muito bom .
    imaginandoojustin.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. VEI MUITOOO BOM O PRIMEIRO CAPITULO GAMEI NA SUA IB *U*

    By: @NinjaProblem_

    ResponderExcluir
  4. tá mto bom,bem diferente das outras,amei..continua logooo

    ResponderExcluir